terça-feira, 18 de junho de 2013

Estradeiro verificará obras da BR-242 que ligará Leste a Oeste

Data: 17/06/2013
A comitiva verificará de perto a situação das obras em andamento e as possíveis dificuldades na execução dos trechos que ainda estão em revisão de projetos

Fonte: Assessoria

Na próxima segunda (17) o Movimento Pró-Logística realiza o segundo Estradeiro pela BR-242 e o terceiro do ano. Atualmente 156 quilômetros da rodovia estão em pavimentação e 285 em revisão de projetos. A conclusão da BR-242 deve ligar as regiões Leste e Oeste, de Ribeirão Cascalheira, na BR-158, a Sorriso, pela BR-163.
O objetivo desse estradeiro é verificar de perto a situação das obras e as dificuldades que serão encontradas nos trechos que ainda serão implantados e que se encontram em revisão de projetos, segundo o diretor do Movimento-Logística, Edeon Vaz.

A pavimentação da BR-242 possibilitará novas opções para escoar os grãos aos produtores dos municípios de Ribeirão Cascalheira, Canarana, Querência, Gaúcha do Norte, Nova Ubiratã, Paranatinga e Sorriso. “Os produtores terão opção de escoar pela BR-163 ou pela BR-158, o que deve gerar competitividade entre as tradings, possibilitando melhores preços pagos pelos grãos aos produtores da região”, explicou Edeon.

A safra da região poderá ser escoada pela BR-163 até o Porto de Miritituba ou Santarém, no Pará, pela BR-158, que liga à divisa do estado do Pará, desta à Redenção (PA) e pela BR-155, até Marabá (PA). Assim, chegará à hidrovia do Rio Tocantins e aos portos de Vila do Conde, em Barcarena (PA), e Outeiro-Belém (PA).

A expedição contará com dois simpósios, um em Sorriso no dia 17, às 19h, no Sindicato Rural, e outro em Querência, no dia 18, às 19h, no Sindicato Rural. Nessa reunião com os produtores será apresentada a situação logística da região, além da oportunidade de serem tiradas as dúvidas. Também haverá um grupo de trabalho no município de Nova Xavantina, no dia 19, que discutirá sobre a implantação futura da hidrovia do Rio das Mortes - Araguaia.
 
Movimento-Pró-Logística

O Movimento Pró-logística de Mato Grosso tem como missão articular junto aos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário a implantação e manutenção de obras rodoviárias, ferroviárias, hidroviárias e portos que possibilitem redução de custos para o setor produtivo e a comunidade em geral.

O Movimento é composto pela Associação dos Produtores de Soja e Milho (Aprosoja), Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt), pelo Sistema Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio/MT), pela Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Associação Mato-Grossense dos Produtores de Algodão (Ampa), Frente Parlamentar de Logística de Transportes e Armazenagem (Frenlog), pelo Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de Mato Grosso (Crea/MT), pela Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), pela OCB/MT – Organização das Cooperativas Brasileiras em Mato Grosso, pelo Instituto Ação Verde e Governo de Mato Grosso.

Um comentário: